O home office, já conhecido na rotina de alguns profissionais e que podia nem ser pensado para determinadas funções, ganhou mais adeptos nas últimas semanas. O “trabalho em casa” teve de ser adaptado a diversos segmentos, para que as empresas não deixassem de seguir com seus compromissos e seus colaboradores pudessem continuar atuando.

Se há algo que a quarentena, imposta pela pandemia do Coronavírus (Covid-19), “permitiu” foi uma mudança de paradigmas em relação ao trabalho remoto. No entanto, foi e está sendo preciso fazer adequações para que o trabalho flua da maneira esperada e a “nova” modalidade seja incorporada a rotina de gestores e colaboradores de maneira eficaz e produtiva.

É preciso disciplina

Medidas simples podem fazer toda diferença no dia a dia do trabalho, tais como: se vestir para uma atividade de trabalho, manter os horários habituais de despertar, almoçar, paradas para o café, são fundamentais para que o trabalho transcorra com a mesma qualidade como se estivesse sendo feito em ambiente empresarial. 

Além disso é importante:

  • Ter um local adequado para trabalhar em casa, um espaço que atenda às necessidades das ações a serem desempenhadas e permita concentração, sem distrações;
  • Organizar a rotina diária e afazeres – as boas e velhas agendas nunca saem de moda; 
  • Listar as prioridades de cada dia – isso permitirá “não se perder” ou encaixar, ao longo do dia, afazeres que não estavam programados; 
  • Organizar as tarefas por turnos/períodos – isso permite melhor foco em cada uma das atividades;
  • Procurar entender qual o seu pico de produtividade e concentrar mais tarefas nesse período. Alguns são mais produtivos pela manhã, outros à tarde. Autoconhecimento colabora e muito neste aspecto.

Pausas são importantes

As pausas são imprescindíveis para o bom andamento do trabalho, em qualquer lugar onde seja realizado, inclusive, em casa. As pequenas paradas, para se alongar, caminhar (mesmo que pela casa), comer e beber algo, auxiliam no foco. No entanto, devem ser programadas, com tempo determinado, para que a fluidez do trabalho não seja comprometida.

Para a rotina seguir normalmente… 

Reuniões on-line auxiliam bastante no andamento dos processos. Aqui elencamos algumas medidas que podem ser de grande ajuda: 

  • Os encontros virtuais devem ser ainda mais objetivos do que os presenciais;
  • Fazer uma pauta com os principais pontos a serem discutidos é fundamental para que os assuntos não se percam;
  • Normalmente, é mais produtivo convocar somente os profissionais diretamente ligados aos temas a serem discutidos; 
  • Durante a reunião on-line o microfone para os demais participantes que não estiverem falando deve estar desligado para evitar ruídos e desencontros de informações.

Tecnologia como aliada

É importante que cada profissional esteja atento a como está se comunicando com a equipe e gestores. A boa comunicação (tipo de linguagem em e-mails, mensagens, posturas em reuniões on line, etc) impacta, positiva ou negativamente, no resultado do trabalho. Lembre-se que o conhecido “mal entendido” não poderá ser desfeito pessoalmente, olho no olho, portanto, procure se fazer entender da forma mais clara possível. Ler mensagens e e-mails com atenção antes de enviar, ajuda a saber se o que será passado adiante é exatamente o que se quer comunicar. 

Sempre que possível, no período de trabalho, silencie as notificações de celular que não sejam fundamentais isso vai contribuir muito para que você se mantenha focado nas atividades pré estabelecidas para o dia.

Aplicativos e softwares que podem ajudar

Explorados principalmente por Startups, há muitos aplicativos que oferecem o gerenciamento de trabalhos e equipes remotamente. Utilizando estes recursos, mesmo à distância, os projetos e tarefas continuam a rodar, sendo administrados e integrados pelas equipes, independente de onde cada um esteja. Seguem algumas tecnologias que podem ajudar a manter a produtividade.

Produtividade e gestão:
Asana, Trello, G Suite

Para comunicação entre as equipes:
Slack, Flock, Workplace, Microsoft Teams

Reuniões e conferências:
Whereby, Skype, Hangouts Meet, Zoom, GoToMeeting

Trabalhar em casa não é trabalhar sozinho 

O compartilhamento de ideias e o espírito colaborativo são fundamentais para manter a produtividade durante o trabalho remoto. A comunicação e a divisão de tarefas precisam continuar bem alinhadas. É comum, inclusive, haver uma maior aproximação por parte dos gestores, seja solicitando constantes feedbacks ou propondo breves encontros virtuais diários ou periódicos.

A promoção da colaboração e empatia, por parte de cada profissional, são essenciais para a manutenção do bom trabalho em equipe!